Homem é preso após sobrinha encontrar vídeos com pornografia infantil em notebook

Havia cerca de 70 vídeos pornográficos de crianças de todas as idades, inclusive bebês, no notebook do suspeito. Ele confessou o crime e foi preso em flagrante em Votorantim.

A Polícia Militar de Votorantim (SP) prendeu em flagrante, nesta terça-feira (19), um homem suspeito de compartilhar nas redes sociais vídeos pornográficos envolvendo crianças e adolescentes.

Segundo informações da PM, a corporação foi acionada pela sobrinha do suspeito, que ganhou um notebook que pertencia a ele.

A sobrinha informou à polícia que a esposa do homem e a filha dela haviam sido agredidas por ele durante a madrugada. A mulher esperou o marido sair para trabalhar de manhã e vendeu todos os móveis da casa por R$ 400 para pagar uma carona por aplicativo até Santos (SP), onde ficaria na casa de familiares.

Antes de ir embora, a mulher teria deixado para a sobrinha alguns móveis que não conseguiu vender e o notebook do tio. Ao consultar alguns arquivos do computador, ela descobriu pastas que continham vídeos de pornografia infantil e fez a denúncia.

Os policiais seguiram para o local de trabalho do homem, que confessou o crime. Segundo a polícia, havia cerca de 70 vídeos pornográficos de crianças de todas as idades, inclusive bebês, no notebook do rapaz.

O suspeito foi levado para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), onde foi autuado em flagrante e permaneceu preso à disposição da Justiça.

A pena para quem divulga conteúdo pornográfico envolvendo crianças e adolescentes é de mais de três anos de prisão e multa.